Conflito de interesses no relacionamento amoroso

Quando duas pessoas começam a namorar (ou resolvem se casar) não quer dizer que elas estejam na mesma sintonia. E estar na mesma sintonia pode ser entendido por muitos como “querendo a mesma coisa naquela relação”. Quando uma pessoa pede a outra em namoro e esta outra aceita, é apenas uma formalização, não a garantia de que andarão na mesma linha ou que percorrerão caminhos coerentes. Há pessoas que começam a namorar e querem sair todos os dias. Qual o problema? Há pessoas que só querem fazer programas a dois. Qual o problema? Na verdade, isso só vai ser um problema se um dos dois não aceitar a situação. Namorar não significa mudança radical de hábitos, é sim uma mudança, como tantas outras como ter espinhas, beijar na boca, ter a primeira vez ou ficar de recuperação.

"Bem-me-quer, mal-me-quer", namorar, não namorar, sair, ficar em casa, uma só pessoa para beijar, beijar todas que eu quiser... e por aí vai, na roda dos conflitos sem fim.

O namoro pode ser uma boa oportunidade de amadurecimento, pois aprendemos a dividir, a ver que as pessoas possuem seu jeito de ser e temos que respeitá-las, acima de tudo. Mas você precisa ter interesse ou estar predisposto a esse amadurecimento para ele ocorrer. Exemplo: um dos maiores consensos é que no namoro deve haver fidelidade (ou é este o maior pré-requisito para se chamar a relação de namoro). Você vai querer ir contra isso? Há fases na vida em que isso não faz muito sentido, então para quê namorar? Muitas pessoas começam a namorar achando que tudo continua igual, mas não é bem assim, sempre abrimos mão de uma coisa em troca de algo, a vida é essa barganha constante com os nossos desejos e necessidades. Quando estamos com alguém, é importante preservamos a nossa individualidade (ainda que ela esteja se transformando sempre), mas deve-se entender que este relacionamento requer alguns cuidados essenciais (com a gente e também com quem está conosco).

Assim, a pergunta não deve ser se você pode sair todo dia com os amigos estando namorando nem se deve parar de conversar com o seu ex, mas sim se isso cabe no relacionamento que você quer ter. Cabe? O seu parceiro sabe disso? Há um conforto para ambas as partes com essa situação? Só assim você vai descobir o que “pode” e o que ” não pode” ou o que você “quer” e o “não quer” para si e para quem você ama. Sem maiores conflitos.

Anúncios

Autor: Fabio Scorsolini-Comin

Psicólogo, mestre e doutor em Psicologia pela Universidade de São Paulo (USP). Atuo como professor universitário e, nas horas vagas ou não, tenho como companheira a literatura. Este blog se destina a interessados em literatura, Psicologia, comportamento e toda sorte de assuntos que rendam uma boa conversa.

3 comentários em “Conflito de interesses no relacionamento amoroso”

  1. Fabito,
    Com certeza pra um namoro dar certo deve haver fidelidade e muito respeito. Além disso, acho que confiança é essencial, pois o que adianta você ser a pessoa mais fiel do mundo e seu companheiro viver inseguro e cheio de dúvidas a seu respeito.
    Acho também que é essa insegurança que atrapalha quando há conflitos de interesse entre um casal, pois um pode ser mais disperso e tranquilo e a falta de confiança do outro pode levá-lo a se sentir de certa forma traído ou menos amado.
    Bem.. Não sei se deu pra entender meu ponto de vista, mas espero não ter viajado tanto. hehe
    Só sei de uma coisa: Namoro é muiiito complicado, mas devo admitir que é bom. 🙂
    Beijos

    1. Aline,

      entendi sim e fiquei aqui pensando em como a gente pode construir o respeito e a confiança em uma relação. Por que algumas pessoas nos deixam inseguros? Será por que a pessoa é bonita demais ou é segura demais em relação a si mesma e isso ativa a nossa insegurança? Não sei. Mas a questão é que a segurança em um relacionamento deve ser cultivada pelos dois, com diálogo, com espaço para exposição dos seus motivos, enfim, sem muitas cobranças. Estar junto com alguém é para ser feliz, é para dividir, para ter a vida mais leve. Se não for assim, para quê?

      Beijão!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s