Felicidade com prazo de validade?

Seu coração não é uma lata de molho de tomate para ter data certa de validade. A gente não deixa de amar ou começa a ser infeliz a partir de uma data previsível - ainda bem!

Você se apaixonou novamente! Que ótimo! Sentiu todos os sintomas do apaixonamento, ficou mais leve, mais bobo, mais esperançoso e já fez cem-mil planos a dois. E olha que foi apenas uma tarde! A gente é bem capaz disso mesmo. E acho super positivo que tenhamos recursos para nos entregarmos dessa forma, pois não são todos que conseguem. Mas o fato é que o sortudo que te conquistou tem uma viagem marcada para um lugar bem distante e manter um namoro assim é quase impossível. E você, no auge da sua negação de ser infeliz, não quer nem começar a se entregar. Mas quando você nega a infelicidade e o sofrimento, está negando também a possibilidade de ser feliz. Quais as suas certezas além de um bilhete de passagem? E em quatro meses muita coisa pode acontecer: vocês podem namorar, podem se mudar de cidade, podem mudar de planos, podem se paixonar por outras pessoas, investir no sentimento de vocês, esquecer aquele encontro no metrô e tantas outras coisas. Haja fôlego para tantas possibilidades em quatro meses! E você só olhando para dezembro?

É bem verdade que todo relacionamento (o ficar, o namoro, o casamento ou o que quer que seja) tem o seu dia de início e o seu dia final. Ou seja, toda relação tem o seu prazo de validade. Ele acaba fisicamente, mas no nosso coração isso atravessa muitos anos e nunca deixa mesmo de nos constituir. Sendo assim, não vamos tratar da questão como se houvesse um fim certo e este fim tenha uma data para acontecer e depois você se afogará em lágrimas para sempre. Não! A vida não nos dá a garantia da infelicidade certa e nem da felicidade certa! Se você não tentar, vai continuar sofrendo, sozinho e achando que a vida foi injusta. Se você entrar de cabeça, pode sofrer, mas também pode ser muito feliz também, pode ver nesse tempo (no mínimo quatro meses) uma chance de seus olhos brilharem novamente e você perceber sim que pode amar muitas e muitas vezes (essa ou outra pessoa). Privar-se do sofrimento não te impedirá de sofrer. Quando estamos em uma relação não importa muito até quando ela vai durar, mas sim o modo como ela vai durar.

Aproveite, pois não é todo dia que o metrô nos traz um presente tão especial!

Beijos a todos e uma ótima semana!

Anúncios

Autor: Fabio Scorsolini-Comin

Psicólogo, mestre e doutor em Psicologia pela Universidade de São Paulo (USP). Atuo como professor universitário e, nas horas vagas ou não, tenho como companheira a literatura. Este blog se destina a interessados em literatura, Psicologia, comportamento e toda sorte de assuntos que rendam uma boa conversa.

10 comentários em “Felicidade com prazo de validade?”

  1. Olá Fábio muito prazer, estava navegando pela Internet e tive a grata surpresa de encontrar seu blog, odorei os temas que você aborda, muito interessante, são temas do cotidiano que todos nós um dia já nos deparamos na vida, você escreve muito bem de uma forma clara e objetiva uma leitura leve. Parabéns pelo blog. Vou virar sua seguidora..
    Abraço. Tatiane

    1. Oi, Tatiane, muito obrigado pela sua visita! Espero que participe mais vezes e indique para os amigos e conhecidos! Abraços e muito obrigado!

  2. Fábio,

    Quero deixar registrado aqui no Blog o quanto seus textos são importantes para nós leitores. E concordar com o que a nova seguidora Tatiana disse acima: “vc escreve de uma forma clara e objetiva, uma leitura leve”.
    Ler seus textos, suas críticas e suas opiniões sobre as coisas nos fazem ver que a vida não é lá esse bicho papão assutador e que podemos sim buscar felicidade sem criar empecilhos para ela.
    Quero te dar os parabéns porque você merece sempre.

    1. Oi, querido!

      Você é uma pessoa muito especial e que me provocam sempre a pensar, refletir e escrever coisas novas!

      Beijo grande e obrigado por tudo!

  3. Aiiiiiii Chique!!!!! Vc escreveu, sem saber, isso tudo pra mim…
    Eu vou colocar no meu Facebook com créditos pra vc, obóvio!!!
    AMO-TE!!!!!!!!! rsss

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s