Nem percebi o outono chegar dessa vez

tumblr_static_tumblr_static__640Acordo, vou caminhar e sou surpreendido pelo anúncio de que hoje começou o outono. Eu estava caminhando quando o outono chegava, sete e pouco, mas nem senti.

Ainda procuro saber onde eu estava durante a primavera e o verão. Já se foram duas estações, seis meses, metade de um ano, cinquenta por cento do meu ano número 6. Penso em La La Land e não queria ser clichê com esta crônica sobre estações. Como falar da minha dor querendo escrever sobre a flor?

Vivi um verão tão úmido, tão chuvoso, tão derramado em lágrimas. Abri as comportas como quem abre o coração a um novo amor que geralmente chega em tempos de primavera. Meu verão chuvoso, enlameando tudo o que vinha pela frente.

Surpreso ainda estou com o outono que chega. Receio não ter mais folhas para deixar cair. Receio que nada mais possa despencar do meu corpo.

Percorro as jabuticabeiras da praça da bandeira e vejo as pequenas e bem verdinhas. Penso que dali vão brotar flores brancas. Acompanho essas árvores como um sinal de que não estou sozinho nas minhas ecdises. Choro com a jabuticabeira que me pergunta: será que você mudou, Fabio? E me corrijo: há sempre o que cair de nós. Porque também há sempre o que florir.

Nunca fui dado ao outono, mesmo sendo outono todo dia. Em algum programa matinal ouço mais um clichê, algo como que o outono não é uma estação da natureza, mas da alma. Surpreendo-me com quase tudo hoje. Deixo mais uma folha cair, sinto saudade do de sempre, um princípio de lágrima brota, tudo no mesmo lugar, em mim, estação que passa. Essa alma há de florescer no tempo certo. Então espero. É outono, estou em tempo.

Anúncios

Autor: Fabio Scorsolini-Comin

Psicólogo, mestre e doutor em Psicologia pela Universidade de São Paulo (USP). Atuo como professor universitário e, nas horas vagas ou não, tenho como companheira a literatura. Este blog se destina a interessados em literatura, Psicologia, comportamento e toda sorte de assuntos que rendam uma boa conversa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s